A Justiça Eleitoral e o Ministério Público continuam o trabalho conjunto de investigação do uso irregular do programa Cheque Cidadão em Campos. Na tarde dessa terça-feira (6), o alvo foi a casa do vereador Albertinho (PMB), no Parque Presidente Vargas, em Guarus. As equipes estiveram na residência por mais de três horas. Ao término da ação, os fiscais levaram papéis com anotações que serão investigadas. Pouco depois de mais uma operação, a prefeita Rosinha Garotinho (PR) publicou em edição suplementar do Diário Oficial a criação de uma comissão para “apurar eventuais desvios de finalidade” do ‘Cheque-Cidadão’.

No Parque Presidente Vargas, fiscais do Tribunal Regional Eleitoral (TRE) informaram apenas que estavam junto com o Grupo de Apoio à Promotoria (GAP) dando continuidade as investigações de eventual uso indevido do programa social. A investigação gerou uma ação cautelar, hoje localizada na 76ª Zona Eleitoral, de busca e apreensão. A equipe de reportagem consultou o TRE e o MP, por e-mail, mas não recebeu resposta até o fechamento desta edição.

O vereador Albertinho, questionado sobre a ação de fiscalização, preferiu não comentar. No entanto, nas redes sociais, afirmou que “nada foi encontrado de irregular”. “Agradeço o profissionalismo e educação dos servidores do MP e TRE que cumpriram sua função de fiscalizar uma denúncia sem fundamento”, escreveu.

Outras – Têm sido várias as denúncias envolvendo Cheque-Cidadão. No dia 2, equipe de fiscalização da Justiça Eleitoral, em parceria com o Ministério Público (MP), apreendeu documentos na secretaria de Desenvolvimento Social. Ao todo, quatro carros foram usados para levar a documentação.
No dia 29, o vereador Ozéias (PSDB) foi preso e conduzido à Polícia Federal sob a suspeita de compra de votos em Travessão. Ele foi solto após pagamento de fiança. Com ele estavam agendas, onde constavam anotações de distribuição de cestas básicas, cheque cidadão e R$ 27 mil. Sua defesa diz que foi para pagar parcela de um caminhão.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *