População diz que bairro possui terrenos que poderiam abrigar uma praça

Moradores do parque São Silvestre não têm mutivos para comemorar. Vizinho de outros bairros de Guarus, ele também apresenta problemas de infraestrutura. A falta de uma área de lazer é uma das principais queixas dos moradores. Segundo eles o bairro possui muitos terrenos baldios, que poderiam ser desapropriados e abrigar uma praça.

De acordo com a comerciante, Maria Luíza Santana Barreto, 46 anos, os próprios moradores improvisam um campo de futebol para que as “peladas” dos finais de semana não deixassem de acontecer.

– Foram colocados pedaços de madeira, que servem como traves de “gol”, e é dessa forma que as crianças se divertem quando bchegam da escola e os adultos, nos finais de semana – disse Maria Luíza.

Não é muito difícil ver crianças correndo de roda e andando de bicicleta pelas ruas do bairro. A falta de um local com brinquedos, como existe em diversos outros bairros do município, além de prejudicar a brincade3ira das crianças, deixa os pais apreensivos.

– Minha filha já está grandinha, com 13 anos, mas quando era pequena, eu vivia preocupada com as brincadeiras na rua. O movimento de carros é grand e a gente fica com o “coração na mão”, com medo que algo ruim aconteça. Lugar para a construção de uma praça tem e dinheiro também, faltando apenas boa vontade da prefeitura – disse a comerciante.

O secretário de Obras e Urbanismo, Edilson Peixoto, afirmou que ainda não há previsão para a construção de uma praça ou uma quadra no São Silvestre, mas no Eldorado, a partir das obras do Bairro Legal, que é vizinho, será construída uma praça, que poderá atender aos dois bairros. (U.M.)

 

Fonte: Folha da Manhã

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *