Depois da eleição de dois de outubro que apontou a vitória do prefeito eleito Rafael Diniz (PPS), as movimentações de bastidores apontam para a eleição da próxima Mesa Diretora da Câmara Municipal de Campos, que acontece logo no primeiro dia do ano de 2017, depois da posse do novo prefeito. A eleição é considerada determinante para os planos políticos tanto do prefeito Rafael Diniz quanto para o secretário de Governo Anthony Garotinho. Por isso, qualquer candidato dos partidos do atual bloco governista à presidência da Câmara deve ser referendado por Garotinho. Assim, as duas principais indagações no momento são: Quem terá o aval de Garotinho para se apresentar como candidato à presidência ou à primeira secretaria, os dois principais cargos da Mesa Diretora do Legislativo? E quais são os preferidos do prefeito eleito Rafael Diniz para os mesmos cargos?

A coligação PR/PTB/PSD, da base governista, que elegeu cinco vereadores deve se unir em torno de um nome. Por enquanto, o nome mais forte é o de Abdu Neme (PR), mas Jorge Rangel (PTB) e Jorge Magal (PSD) também estão na disputa.

Além de Abdu Neme, Jorge Rangel e Jorge Magal, também foram eleitos Kellinho (PR) e Thiago Ferrugem (PR).

Thiago Virgilio, presidente do PTC, que elegeu três vereadores, também quer presidir a Mesa Diretora. Além dele, pelo seu partido foram eleitos também Linda Mara e Roberto Pinto, também da base governista.

Pela oposição, o vereador Marcão (Rede), o mais bem votado nestas eleições, com 5.552 votos, também disse que é candidato à presidência do Legislativo.

Além de Marcão, a atual bancada da oposição conta com Fred Machado (PPS), Abu (PPS), Paulo César Genásio (PSC), José Carlos (PSDC), Cláudio Andrade (PSDC).

O PHS tem dois vereadores eleitos também pela base governista: os novatos Enock Amaral e Marcelo Perfil.

O governista PRP elegeu três vereadores que farão suas estréias na Câmara: Vinícius Madureira, Jorginho Virgílio e Silvinho Martins, filho da vereadora Dona Penha Martins, que cumpre seu último mandato este ano na Câmara.

A coligação PRTB/PT do B elegeu dois parlamentares: os vereadores reeleitos Álvaro César (PRTB) e Cecília Ribeiro Gomes (PT do B).

O Pastor Vanderly Mello (PRB), Igor Pereira (PSB), Miguelito (PSL) e Ozéias Martins (PSDB) completam a composição do Legislativo a partir de 2017.

Há ainda pendências judiciais enfrentadas por alguns eleitos que poderão mudar a atual lista dos eleitos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *