A primeira reunião para tratar da transição entre os governos Rosinha Garotinho (PR) e Rafael Diniz (PPS) acontece nesta segunda-feira (7). O encontro, originalmente previsto para o último dia 3, foi remarcado a pedido da atual prefeita, que manifestou desejo de estar presente na ocasião. Com isso, o prefeito eleito decidiu, também, comparecer. A mudança de data foi requerida à equipe de Diniz pela Procuradoria Geral do Município.

 

Pelo menos sete nomes da equipe de transição do prefeito eleito Rafael Diniz já foram confirmados até o momento: Fabiana Catalani na Saúde, Felipe Quintanilha no Orçamento, Brand Arenari na Educação, Fábio Bastos no Governo, José Paes Neto na Procuradoria, André Oliveira na Gestão de Pessoas e Contratos e Leonardo Wigand na Fazenda.

 

A equipe tem perfil eminentemente técnico. Fabiana é médica pediatra, já foi secretária de Saúde de São João da Barra na gestão Carla Machado (atual PP) e também diretora técnica do Hospital Municipal Mariana Maria de Jesus (HMMJ). Ela comandará a pasta da Saúde no governo Diniz. Quintanilha é formado em Direito, e tem especialização em Licitação e Contratos e MBA em Gerenciamento de Projetos, ambos pela Fundação Getúlio Vargas (FGV).

 

Já Arenari é professor e sociólogo formado pela Universidade Estadual do Norte Fluminense (Uenf), onde também fez mestrado em Cognição e Linguagem. Ele cursou doutorado em Sociologia na universidade Humboldt, em Berlim, Alemanha. Bastos é advogado pós-graduado em Direito pela Universidade Cândido Mendes, no Rio de Janeiro. Ele compõe o corpo docente da instituição de ensino em Campos.

 

Também advogado, Paes Neto é formado pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (Uerj) e pós-graduado em Direito Processual Civil pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC-Rio). É concursado, ainda, como assistente jurídico da Fundação de Esporte e Turismo de Macaé. Foi escolhido pelo prefeito eleito para ocupar a Procuradoria Geral do Município.

 

Por sua vez, Oliveira é servidor municipal de carreira e atual presidente do Partido dos Trabalhadores em Campos. Ele é administrador formado e tem MBA em Gestão Ambiental e em Tecnologia da Informação pela FGV.

 

Por fim, Leonardo Wigand é mais um advogado na equipe. Ele é formado pela Faculdade de Direito de Campos (FDC), que atualmente é parte do Centro Universitário Fluminense (Uniflu). Além disso, possui MBA em Gestão Empresarial pela FGV e experiência com projetos.

 

Decreto — Rosinha publicou no Diário Oficial desta terça-feira (1º) o decreto nº 350/2016, que institui Comissão Especial de Transição de Governo. Originalmente, o texto previa a nomeação de cinco pessoas para compor a equipe que munirá Diniz de informações sobre a situação do município, para que ele possa organizar seu plano de administração.

 

Porém, o grupo argumentou que o atual governo seria representado por sete pessoas e que a próxima gestão deveria contar com um número semelhante de membros na Comissão. A administração Rosinha será representada pela Procuradoria Geral do Município e pelas Secretarias Municipais de Gestão de Pessoas e Contratos; Controle orçamentário e Auditoria; Governo; Fazenda; Educação Cultura e Esportes; e Saúde. O procurador geral do município, Matheus da Silva José, coordenará os trabalhos.

 

De acordo com o texto, “a transição de governo é o processo institucionalizado que importa na passagem do comando político de um mandatário para outro, com objetivo de assegurar a este o recebimento de informações e dados necessários ao exercício da função ao tomar posse”.

 

Rafael Diniz assume a prefeitura no próximo dia 1º de janeiro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *