A Prefeitura de São Francisco de Itabapoana concedeu a liberação de uma área para instalação da Unidade de Policiamento Ambiental (Upam) no município, que deverá ser construída com recursos do Instituto Estadual do Ambiente (Inea). O espaço mede 60 x 60 metros e fica ao lado da Estação Ecológica Estadual Guaxindiba, localizada na unidade de conservação do município, mais conhecida como Mata do Carvão.

A parceria foi firmada durante uma reunião na sede da prefeitura, com a participação do prefeito Pedrinho Cherene; o secretário municipal de Meio Ambiente, Cláudio Heringer; o comandante da Upam do Parque Estadual do Desengano e que tem jurisdição em São Francisco, tenente Luiz Fernando Silva dos Santos; e da chefe da Estação Ecológica Estadual Guaxindiba, Vânia Coelho.

A intenção é que policiais atuem na fiscalização do município, realizem trabalhos preventivos, além de prestar apoio e suporte à secretaria municipal de Meio Ambiente e ao Inea. A planta do projeto prevê, ainda, a implantação de um viveiro de mudas para o reflorestamento de plantas nativas da mata.

O projeto irá passar pela secretaria de Planejamento e, posteriormente, encaminhado à Câmara de Vereadores para aprovação. Depois de aprovado, a previsão é que as obras do novo prédio sejam iniciadas logo após a inauguração do espaço fixo da Estação Ecológica Estadual Guaxindiba, prevista para outubro deste ano.

— Essa iniciativa é mais um fortalecimento das parcerias do município junto aos órgãos estaduais. O que pretendemos é estarmos juntos para proteger e defender o Meio Ambiente em São Francisco — disse o prefeito Pedrinho Cherene.

O secretário Cláudio Heringer também destacou os benefícios dessa parceria. “A instalação da Upam será um marco para nosso município e traduz uma verdadeira preocupação e esforço dos governos municipal e estadual em prol das questões relacionadas ao nosso meio ambiente. Todos também poderão trabalhar mais efetivamente para beneficiar nosso ecossistema”, salientou.

Fonte: Secom/São Francisco de Itabapoana

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *