Monitoramento eletrônico com multas à distância será a tática da operação

 

Teve início nesta quinta-feira (27/02) a Operação Carnaval 2014 do Departamento de Estradas e Rodagem (DER), que se estenderá até a próxima quarta-feira de Cinzas (05/03). A Polícia Rodoviária Federal (PRF) e Autopista Fluminense dão início nesta quinta-feira uma operação especial de tráfego para atender ao maior movimento de veículos na BR-101 e na BR-356, no período de Carnaval.

O DER conta com uma grande sala de operações com monitoramento eletrônico que poderá emitir multas à distância, de acordo com a resolução 404 do novo Código de Trânsito. Através do sistema de monitoramento eletrônico, as autuações que serão emitidas mesmo sem a necessidade de oficiais, viaturas ou blitzes nas pistas.

 

De acordo com o DER-RJ o objetivo é ampliar e qualificar a fiscalização utilizando câmeras de alta precisão espalhadas, estrategicamente, pelas rodovias. O monitoramento eletrônico com multas à distância é a tática do DER-RJ para identificar o tráfego de veículos em acostamentos, com a multa sendo gerada automaticamente após leitura das placas dos infratores pelas lentes de alta aproximação.

Esta ação de longa distância é a nova ferramenta fiscalizadora para inibir a circulação pelos acostamentos, cuja multa é de caráter gravíssimo, tanto no valor como na perda de pontos na carteira de habilitação. Por isso é importante frisar e conscientizar o motorista que a tecnologia existente irá flagrar e punir quem dirigir fora das faixas corretas.

O Centro de Operações do DER-RJ vai receber imagens das câmeras das concessionárias para análise e
aplicação de multa, ampliando o alcance e controle nas vias do estado. O DER-RJ e o BPRv (Batalhão de Polícia Rodoviária) fizeram uma ação conjunta com a Polícia Rodoviária Federal (PRF) e concessionárias como Via Lagos; Ponte Rio-Niterói; Concer; Autopista Fluminense e Rota 116, tudo para coibir drasticamente as transgressões que nesse período tendem a aumentar nas vias turísticas, como as que ligam as Regiões dos Lagos e Serrana.

Haverá também equipes com fiscalização estática, tanto de dia como de noite, para coibir que motoristas que ingeriram bebidas alcoólicas nas proximidades das estradas estaduais. Além da verificação do teor alcoólico, o DER-RJ e o BPRv irão abordar aleatoriamente os veículos, sujeitos às sanções previstas em leis. Irregularidades em documentações do carro ou do condutor podem causar desde a perda de carteiras ao recolhimento do automóvel para pátios dos órgãos.

thumbsmaterias

 

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *