Roberto Henriques marca “duelo” com Garotinho

Por Alexandre Bastos, em 05-08-2011 – 16h38

roberto henriques (1)

O deputado estadual Roberto Henriques (PR) falou sobre o bombardeio de Garotinho (aqui). Segundo o parlamentar, que disse ser o “Tranquilo Henriques”, o seu ex-aliado tenta desviar o foco do debate. “Já que ele fala como advogado da prefeita Rosinha, posso  esperar o deputado Garotinho amanhã, às 9h, em frente à Catedral. Se ele não puder, é só marcar o dia e o horário. Porém, para me encontrar, ele precisa levar uma série de informações que o povo de Campos cobra”, disparou Roberto Henriques, que comentou sobre o bombardeio de Garotinho.

Duelo na Praça — O deputado estadual disse que todas as dúvidas podem ser esclarecidas amanhã. “Já que ele sempre fala em nome da prefeita Rosinha, vou esperar o Garotinho amanhã, às 9h, em frente à Catedral. Ele tem disposição para ofender, mas vamos ver se tem disposição para explicar. Quero que ele leve um extenso relatório com todas as entradas e saídas da secretaria de Saúde desde janeiro. Já que o Portal da Transparência não mostra nada, vamos ver se ele mostra alguma coisa. Nome dos motoristas das ambulâncias, publicação no Diário Oficial que cancelou a compra dos produtos da Saúde e mostre como funciona esse software de R$ 14,5 milhões lá da Saúde. Além disso, espero uma relação das obras que encontram-se paralisadas com suas medições e pagamentos”, afirmou.

Carro e dinheiro — Em seu blog, o deputado Garotinho disse que, em uma eleição para o governo do Estado, deu um carro e recursos para que Roberto Henriques coordenasse a sua campanha na Região dos Lagos. Porém, Henriques teria sumido com o carro, os recursos e reaparecido apoiando César Maia. Segundo Henriques, Garotinho precisa esclarecer essa questão. “Então quer dizer que ele me deu carro e dinheiro? Vou esperar que o Garotinho diga qual foi o carro, a placa e quanto ele me deu para coordenar a campanha. Se afirma isso, deve ter tudo contabilizado na campanha, dentro do que manda a Justiça”, disse Henriques.

Avião fretado — Sobre o desafio de Garotinho, que prometeu renunciar caso Henriques provasse que o vôo até Bonito (MS) foi fretado, o deputado disse: “Conheço o deputado Garotinho. Ele está tentando desviar o foco. Quando falei do avião, nem me referi a ele. Mas como parece se achar prefeito de Campos, sempre responde em nome de Rosinha. Se o vôo não foi fretado, peço desculpas a prefeita. Só imaginei que tivesse sido porque ele levou filhos, noras, genros. E como é uma grande família, pensei que a prefeita de Campos tivesse achado melhor fretar um avião”, disse Henriques.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *