Local recebe dezenas de veranistas no verão.
Ideia é reforçar a segurança e inibir ações irregulares no camping.

prefeitura_municipal_de_campos_dos_goytacazes_-_google_chrome_3prtscr_capture_2

 

Mais segurança e ordem para o camping do Farol de São Tomé, região litorânea de Campos dos Goytacazes, no Norte Fluminense. O local recebeu, no último sábado (18), 14 câmeras que irão monitorar o espaço durante o verão. A iniciativa é da secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico e Turismo, numa parceria com a Companhia de Desenvolvimento do Município de Campos (Codemca). As câmeras ficam acionadas durante 24 horas por dia, sete dias por semana.

De acordo com a Codemca, em verões anteriores, algumas câmeras já funcionavam no local, mas o sistema atual possui um maior número de equipamentos e com uma melhor qualidade. “O aumento do número de câmeras aconteceu devido às reivindicações dos próprios hóspedes. Elas ajudam na segurança, inibindo ações irregulares e identificando o que foge ao regulamento do espaço. As câmeras são os olhos que vão onde não podemos ir, em determinado momento. Nós temos a Central de Monitoramento, que observa tudo o que as câmeras capturam”, explicou um dos administradores do camping, Ricardo Siqueira.

É importante lembrar que o camping é um instrumento de hotelaria que o governo coloca à disposição de camadas populares, que não poderiam ter acesso a hotéis, pousadas e outros locais de hospedagem. Além disso, é um grande local de aprendizagem, para todos que estão aqui. Este espaço desenvolve o sentido de vida comunitária nas pessoas. Nós temos um regulamento, das leis que regem o camping e quem foge às regras está sujeito às sanções da lei. “Queremos montar um camping com um conceito familiar e pretendemos manter o espaço funcionando durante todo o ano”, afirmou o secretário de Desenvolvimento Econômico e Turismo, Wainer Teixeira.

O Camping possui o apoio do Grupo de Ações Especiais da Guarda Civil Municipal de Campos, que faz ronda diária no local, e o apoio da Polícia Militar de Campos, que faz a segurança na área externa do espaço e está de prontidão para auxiliar em qualquer necessidade.

“Estou aqui desde o final de dezembro e vou ficar até o feriado de quarta-feira de Cinzas. O Camping está com total vigilância e segurança. As crianças podem brincar à vontade.”, disse Celma Bisonho, veranistas que está acampada.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *