Flata do serviço está prejudicando a população que precisa trabalhar e estudar

Moradores de Lagoa de Cima e região protestaram na manhã desta segunda-feira (11) contra a falta de ônibus. Os manifestantes atearam fogo em pneus e galhos e bloquearam a pista, conhecida como Rua de Cima.

De acordo com Paulo Norato, presidente do Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Campos e da Associação dos Pequenos Produtores Rurais e Quilombolas de Aleluia, Cambucá e Batatal, na região de Conceição do Imbé, desde ontem (10) a empresa Rogil retirou todos os ônibus que prestam serviço as localidades.

“A empresa Rogil tirou todos os ônibus desde de ontem e a população está em uma grande manifestação. O povo está insatisfeito e se o problema não for resolvido a gente vai tomar outras providências. Aqui nós temos crianças que estudam, as pessoas que trabalham na cidade, e até os professores que vêm para trabalhar não tem condições de chegar”, disse Paulo.

Fonte: Campos24h

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *