A secretária de Desenvolvimento Humano e Social de Campos, Ana Alice Ribeiro Alvarenga, e a coordenadora do Cheque Cidadão, Gisele Koch, receberam os alvarás de soltura na tarde desta sexta-feira (30) e podem ser soltas nas próximas horas. As duas estavam no Presídio Feminino de Campos, após terem sido presas na Operação “Vale Voto”, que investiga o uso do Cheque Cidadão em troca de votos. O alvará foi expedido pelo juiz Ralph Manhães, da 100ª Zona Eleitoral de Campos, e teve aprovação do Ministério Público Eleitoral (MPE). O juiz é o mesmo que foi atacado por Anthony Garotinho nesta semana em seu programa de rádio.

 

Ana Alice e Gisele foram presas na última sexta (23) e tiveram as prisões temporárias revertidas em prisões preventivas. Mesmo em liberdade, as duas não poderão participar de manifestações eleitorais ou voltar aos postos de trabalho que ocupavam antes.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *