Os adolescentes selecionados têm até próxima segunda-feira para se apresentar na Fundação

A Fundação Municipal da infância e da Juventude (FMIJ) liberou nesta terça-feira (1º), a relação dos 144 selecionados para a Guarda Mirim. São jovens de 15 a 18 anos incompletos, com escolaridade a partir do 8º ano e integrantes de famílias inscritas no CadÚnico. Eles terão de apresentar bom desempenho para passar de cadete à guarda mirim e, assim, serem beneficiados pelo programa municipal, que oferece bolsa mensal de R$ 230. 

Os adolescentes selecionados têm até segunda-feira (7) para se apresentar na Fundação. Inicialmente, eles farão o curso de Ordem Unida, de aproximadamente um mês, já como cadetes. O curso, com bolsa de R$ 100, definirá os que têm aptidão para o programa. Segundo o presidente da FMIJ, Thiago Ferrugem, a Guarda Mirim tem caráter meritocrático e, desde cadete, o adolescente é acompanhado na escola, na família e em sua comunidade.

– Eles têm de frequentar a escola, apresentar boas notas, seguir a disciplina do programa e terem boa conduta social. O objetivo é que esses adolescentes recebam uma educação e uma orientação para a promoção da cidadania e que se tornem multiplicadores junto a suas comunidades. Não basta a vulnerabilidade social para ingressar na Guarda Mirim, tem de haver merecimento – ressaltou o presidente FMIJ.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *