Acúmulo de neve e gelo nas muretas e postes criou cenário inusitado.
Quase 400 pessoas já morreram devido às baixas temperaturas na Europa.

O frio na cidade croata de Senj, na costa do Mar Adriático, gerou um cenário peculiar em um porto nesta terça-feira (7). O acúmulo de neve e gelo nas muretas e postes do local lembrou ondas congeladas em pleno movimento.

As autoridades utilizaram de quebra-gelos explosivos a tratores nesta terça para superar o grande congelamento da Europa, enquanto dezenas de pessoas morreram de hipotermia e outras milhares ficaram isoladas pela neve.

Até agora, 389 pessoas morreram devido ao frio que atinge a Europa desde o início deste período congelante, há 11 dias, e os meteorologistas alertam que não há previsões para que as temperaturas mais baixas observadas em décadas sejam substituídas por um tempo mais ameno.

'Esculturas' de gelo e neve se acumularam sobre o porto em Senj, na Croácia (Foto: Darko Bandic/AP)‘Esculturas’ de gelo e neve se acumularam sobre o porto em Senj, na Croácia (Foto: Darko Bandic/AP)
Cenário peculiar foi criano pelo frio na cidade croata (Foto: Darko Bandic/AP)Cenário peculiar foi criado pelo frio na cidade croata (Foto: Darko Bandic/AP)

Vento fez com que o gelo se acumulasse mais em um lado dos postes (Foto: Darko Bandic/AP)

 

Fonte: G1 Portal nde Notícias da Globo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *