.

O julgamento de Síntia Silva Moraes, de 27 anos, ocorreu ontem (24/11), no Fórum Maria Tereza Gusmão, em Campos, durando cerca de 12 horas. Síntia, acusada de ter assassinado seus dois filhos, Lavínia, de 6 anos, e Enzo, de 1 ano de idade, no dia 16 de abril do ano passado foi condenada a 42 anos e 4 meses de prisão em regime fechado pelo duplo homicídio qualificado. Ela Síntia matou os dois filhos e depois ateou fogo na casa, no Parque Guarus. A pena foi declarada pela juíza Elisabete Franco Longobardi. O defensor Thiago Abud afirmou que vai recorrer com o objetivo de reduzir a pena.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *