O que é:

O câncer do colo do útero, também chamado de cervical, está intimamente relacionado com a infecção com o vírus HPV e pode ser diagnosticado através do exame preventivo e por isso é importante a sua realização periódica.

Este câncer têm um desenvolvimento lento e pode cursar sem sintomas em fase inicial e evoluir para quadros de sangramento vaginal intermitente ou após a relação sexual, secreção vaginal anormal e dor abdominal associada a queixas urinárias ou intestinais nos casos mais avançados.

Sintomas do câncer do colo do útero

Inicialmente o câncer do colo do útero não apresenta sintomas, mas com o avançar da doença podem surgir:

  • Sangramento, especialmente após as relações;
  • Corrimento vaginal marrom, com odor fétido;
  • Dor abdominal;
  • Queixas urinárias e
  • Queixas intestinais, numa fase mais avançada.

Diagnóstico do câncer do colo de útero

O câncer do colo do colo do útero pode ser diagnosticado através do exame preventivo, também chamado de papanicolau que deve ser realizado periodicamente.

Fatores de risco para o câncer do colo do útero

São fatores de risco para o câncer do colo do útero:

  • Infecção com o vírus HPV;
  • Atividade sexual precoce;
  • Não usar preservativo em todas as relações;
  • Múltiplos parceiros sexuais;
  • Cigarro;
  • Uso prolongado de pílulas anticoncepcionais;
  • Obesidade;
  • Hiperplasia do endométrio.

Tratamento para o câncer do colo do útero

O tratamento para o câncer do colo do útero geralmente requer radioterapia e/ou cirurgia, mas vai depender do estadiamento do câncer. O desejo pessoal de querer ter filhos também é levado em conta, caso a resposta seja negativa, a retirada o útero pode ser uma solução viável.

Prevenção do câncer do colo do útero

Para prevenir o câncer do colo do útero recomenda-se:

  • Dieta equilibrada e a prática de exercícios físicos,
  • Ir ao ginecologista logo que apareça qualquer sintoma como um corrimento fora do habitual e
  • Realizar o exame preventivo anualmente;
  • Tomar a vacina do HPV;
  • Evitar o uso prolongando de pílulas anticoncepcionais e
  • Cigarro.

Câncer do colo do útero tem cura?

Segundo dados do INCA, o câncer do colo do útero quando é detectado precocemente e quando é devidamente tratado tem quase 100% de chances de cura.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *