Milhares de pessoas compareceram ao Açu, em São João da Barra, nesta quinta-feira (09/11), após mais uma informação equivocada de anúncio de vagas para o complexo logístico do Porto do Açu. Segundo informações, tal anúncio teria sido divulgado em redes sociais, o que atraiu mais de cinco mil candidatos ao local, formando uma fila quilométrica.

Em sua página no Facebook, a Prumo Logística desmentiu a informação sobre vagas de trabalho para a obra da termelétrica no Porto do Açu e informou que “só é possível participar de processos seletivos do Porto cadastrando o currículo no portal do Vagas.com – www.vagas.com.br/prumologistica. Você também pode enviar o currículo para a Rede de Empregabilidade – banco de dados disponível para todas as empresas que do Completo Portuário do Açu e prestadores de serviços. O e-mail de contato é: currículo.porto@gmail.com.

Também no Facebook, centenas de pessoas questionaram a empresa quanto à fiscalização desses possíveis boatos e outras informações falsas de vagas de emprego. Em uma das respostas, a Prumo mencionou que “o Porto do Açu está em contato com o sindicato que representa os trabalhadores do Porto e também com o Sticoncimo (Sindicato dos Trabalhadores da Indústria da Construção Civil e Mobiliário) para apurar a divulgação de falsas vagas”.

No início desta semana, o Sticoncimo apontou fraude em contratação de pessoal para uma empresa que irá se instalar no Porto do Açu. Segundo o presidente, José Carlos Eulálio, uma pessoa ligada ao Sindicato da Construção Civil de Itaboraí estaria recebendo currículos de forma ilegal na Praia do Açu. O caso já foi denunciado ao Ministério Público do Trabalho (MPT).

Fonte: Ururau

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *