Morte da mãe de vereador adia audiência na Câmara

Suzy Monteiro
Fotos: Genilson Pessanha e álbum de família

A morte da mãe do vereador Luiz Alberto Neném (PTB), Glelcia Menezes, levou ao adiamento da audiência pública da Saúde e da prestação de contas sobre o mesmo assunto que aconteceriam nessa segunda-feira (1) na Câmara de Campos. Os eventos foram transferidos para quarta-feira (3).

Dona Gelcia Menezes faleceu na noite de domingo. O corpo foi velado no cemitério Campo da Paz, onde também foi sepultado. Além do vereador, ela era mãe de Kátia Menezes e Luiz Gustavo Menezes.

Inicialmente, os dois eventos sobre Saúde foram remarcados para esta terça-feira (2). Porém, por problemas de agenda, elas acontecerão na quarta. A prestação de contas com a presença do secretário de Saúde, Dr Chicão, será às 15h e a audiência pública às 16h.

A apresentação do relatório de gestão do 1º quadrimestre de 2015 da secretaria municipal de Saúde, atende determinação da Lei Complementar nº 141/2012. Também por exigência da lei, a audiência deve ser realizada na Câmara de Vereadores para levar ao conhecimento da população o que está sendo feito com os recursos destinados à saúde. Serão apresentados dados relativos às ações e investimentos dos recursos.

Já a Audiência Pública, proposta pelo vereador Jorge Magal, tem como autoridades convidadas Dr. Chicão (PP); o presidente da Fundação Municipal de Saúde (FMS), Geraldo Venâncio; diretores de hospitais; entre outros.

— Vamos debater a saúde como um todo. Mostrar o que já foi feito de positivo pelo governo, mas também abordar a questão das filas para marcação de consultas, atendimento prestado pelos hospitais conveniados à prefeitura, saúde mental, entre outros — disse o vereador.

Os eventos acontecem no mês seguinte a vistorias feitas pelo Ministério Público Federal (MPF), que encontraram irregularidades em postos e hospitais de Campos e região.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *